Apresentadora perde dente e rompe ligamento ao gravar quadro do “Esporte espetacular”


O esforço que as atletas inscritas para a Olimpíada de 2016 fizeram durante anos Juliana Sana teve que vivenciar em poucos dias. A jornalista, que passou uma semana na cola das competidoras de diferentes modalidades e foi submetida ao mesmo treinamento que elas, vai mostrar como é a vida das desportistas numa edição especial do “Mulheres espetaculares”, cuja nova fase estreia neste domingo, 30, às 10h, no “Esporte espetacular”. Ela sentiu na pele como é pesado o preparo para os jogos.

"Perdi um dente na luta, no surfe, tive estiramento da coluna e problemas nos ligamentos na patinação. Vida de atleta é assim, elas lidam com a dor, vivem no limite " analisa em entrevista ao jornal O Globo, por João Fernando.

Para cada episódio, Juliana se instalou por uma semana nas casas das atletas para ter a mesma rotina "o que inclui refeições e horas de sono idênticas às das competidoras."

"Tenho que entrar na vida delas e ficar quietinha" explica a gaúcha, de 37 anos, que precisou ficar literalmente em silêncio durante o trabalho: — Com algumas, eu dormi em um colchão no chão, às vezes, no mesmo quarto em que estava uma delas e o marido. A gente virou amiga.

Na estreia, a gaúcha mostra o dia a dia de Aline Silva, praticante de luta olímpica, uma das modalidades mais difíceis, segundo ela.

"Já quebrei dente e costela. Vivo fazendo fisioterapia" entrega a jornalista, que também encarou o pentatlo moderno, que junta natação, corrida, esgrima, tiro ao alvo e equitação de uma vez: "A ideia é a pessoa de casa pensar que poderia estar lá." finalizou.



Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.