Para disputar a presidência da FIFA, Zico vai buscar o apoio dos Estados Unidos


O ex-jogador e atualmente comentarista do Esporte Interativo, Zico pretende se reunir até o fim de setembro com Sunil Gulati, o presidente da US Soccer, a federação de futebol dos EUA, para pedir o apoio norte-americano em sua empreitada para conseguir cinco assinaturas e se candidatar à presidência da Fifa.

Segundo a Folha de São Paulo, por Marcel Rizzo, o apoio norte-americano é tratado, dentro da Fifa, como fundamental porque foi o Departamento de Justiça do país que desencadeou as investigações de corrupção no futebol. O brasileiro já tem promessa de assinatura da CBF. A eleição será em fevereiro de 2016.

Zico já recebeu o primeiro sim ao seu pedido para que seja realizado debate entre os pré-candidatos à presidência da Fifa. O sul-coreano Chung Mong-Joon aceitou a proposta de transmissão pela internet. O convite foi enviado até para o argentino Diego Maradona, que anunciou candidatura.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.