Clubes da Liga Sul-Minas-Rio querem divisão igualitária de cotas de televisão


Gilvan Tavares, presidente da nova Liga
Mesmo sem terem fechado contrato para transmissão de TV, os integrantes da Liga Sul-Minas-Rio, além de planejarem uma distribuição igualitária (entre os participantes de cada edição, segundo o presidente Gilvan Tavares) das cotas de TV para a competição a qual vão organizar, estão ventilando a criação de um fundo único, no qual receitas vindas, por exemplo, com patrocínios para a Liga sejam divididas para todos – inclusive para os membros que não estiverem na edição vigente da competição. Atualmente, são 15 clubes signatários.

A informação é do Lancenet, por Igor Siqueira.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.