Globo teria percebido que Copa Sul-Minas-Rio poderia dar mais audiência que estaduais, diz blog


A audiência do futebol na TV Globo caiu 22 pontos nos últimos dez anos, um exemplo é que a Coca Cola já desistiu este ano de seguir patrocinando o esporte na emissora. Os campeonatos estaduais foram apontados como motivos disso e os executivos sabem que os torneios estão obsoletos.

A Copa do Nordeste deu o exemplo. Em 2010, o torneio envolvendo os principais clubes voltou depois de estar cancelado por seis anos. As federações nordestinas pressionaram a CBF. Queriam mais dinheiro e os estaduais também por lá são fracassado. E a Lampions League, como é apelidada, voltou a ser disputada com muito sucesso.

O exemplo lucrativo chegou até a Copa Sul-Minas, mas 13 anos depois, os clubes mineiros, gaúchos, paranaenses e catarinenses decidiram ressuscitá-lo e ganharam dois 'intrusos', o Flamengo e Fluminense. As diretorias dos rivais históricos se rebelaram contra a Federação Carioca. E decidiram repetir o que o Atlético já faz no estadual paranaense.

A novidade é trazida pelo Cosme Rímoli, no portal R7, a TV Globo se interessou no novo torneio, seria uma maneira de escapar de mostrar menos jogos desinteressantes nos estaduais e ainda ganhar mais audiência com confrontos de muito mais qualidade.

Marco Polo del Nero não esperava essa postura da emissora e por isso, teve de rever sua postura frontalmente contrária à competição. Pediu aos presidentes do Atlético Mineiro, Atlético Paranaense, Flamengo, Fluminense, Cruzeiro, Coritiba e Avaí paciência. Disse que o departamento técnico da entidade vai estudar a viabilidade da competição. Ou seja, encaixá-la em 2016.

Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.