Flamengo pode não participar da Primeira Liga por divergências nas cotas de TV


O presidente do Flamengo, Eduardo Bandeira de Mello, negou que o Flamengo vá deixar a Primeira Liga. Nesta segunda-feira, a Rádio Gaúcha informou que o clube seguiria o caminho de outras equipes e deixaria o torneio.

"Não [vamos deixar a liga]. Estamos tentando resolver nossos problemas e seguir com o projeto", afirmou o dirigente.

Segundo fonte ouvida ouvida pela reportagem do ESPN.com.br, por Mauro Cezar Pereira, no entanto, se a discussão ficar restrita às cotas de TV, existe a possibilidade do Flamengo deixar o campeonato. Por ora, o desejo do clube é fazer o projeto seguir adiante.

Na semana passada, o Cruzeiro anunciou que não disputaria mais o torneio porque a competição não seria rentável para time mineiro. O presidente Gilvan de Pinho Tavares disse que surgiram questões com as quais não concordou. Flamengo e Fluminenseo acompanharam na avaliação.




Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.