Retrospectiva 2015: SporTV


Dando início a retrospectiva dos canais esportivos em 2015 (ordem definida pela medição de audiência), temos o SporTV, o maior canal esportivo do país. Gerado pela Globosat, o SporTV tem como destaque a exclusividade de boa parte do futebol nacional.

Entretanto, o canal este ano resolveu se mexer (assim como seus concorrentes) e saiu totalmente de sua zona de conforto. Novos eventos, programas saindo da grade, reestruturação da programação, novos programas e uma nova linguagem definiram basicamente o "canal campeão" em 2015. Confira a seguir, em tópicos, os momentos mais notáveis do SporTV em 2015.

Corte de programas clássicos: Seguindo os passos da ESPN Brasil, o SporTV começou 2015 extinguindo alguns de seus programas clássicos na grade para apostar no jornalismo ao vivo. O ano começou com o fim dos programas "Linha de Chegada" e "Zona de Impacto", que estavam há mais de uma década no ar. Em março, foi a vez do debate "Arena SporTV" e do telejornal "SporTV News Tarde" deixarem a grade.

Investimento em jornalismo ao vivo: Como dito anteriormente, o canal resolver investir pesado em sua programação diária ao vivo. O SporTV aumentou a duração de seus programas já existentes e criou novos programas. O "Seleção SporTV", um debate com cerca de 3 horas de duração, o jornalístico "Planeta SporTV", para fugir do foco futebolístico de outros programas, e o novo "SporTV Tá na Área", que passou a ser um informativo ao vivo sobre os clubes de futebol pelo Brasil, com a transmissão de treinos e entrevistas coletivas por todo o país. Em um sinal de "orgulho", o canal brada momentaneamente que possui a maior programação esportiva diária ao vivo do país, produzindo 13 horas seguidas, pelo menos.

Nova linguagem: Uma linguagem informal e menos robótica também se notou presente no SporTV, que passou a ser mais crítico em alguns pontos em que era omisso, como por exemplo, na corrupção do futebol mundial e na CBF. A linguagem moderna do canal deu origem a um "É Gol" totalmente diferente e o novo programa "Extraordinários", que ocupa as noites de domingo do SporTV. A interação com as redes sociais também apareceu de forma massiva no canal.

Libertadores: A cobertura da Libertadores no SporTV este ano foi diferente, por ser mais completa que em edições anteriores. Muito por causa dos times participantes e da massiva cobertura de sua rival, FOX Sports, que possuía muitos jogos exclusivos. Na maioria dos jogos foi líder de audiência, mas a disputa intensa fez o canal perder para a FOX, mesmo transmitindo o mesmo jogo. Todos os jogos de brasileiros foram feitos in loco e a maioria dos jogos transmitidos (sem a presença de brasileiros em campo) teve reportagem in loco.

Boca Juniors x River Plate: Foi uma das maiores coberturas que o SporTV fez em 2015. O esperado superclássico argentino na Libertadores foi transmitido com exclusividade pelo "canal campeão" até o final do 1º tempo, quando uma confusão com os torcedores do Boca fez o jogo ser cancelado. Entretanto, por ser a detentora exclusiva, apenas o SporTV (que estava in loco) podia cobrir de forma intensa todos os acontecimentos ao redor deste fato, levando o canal a uma de suas mais memoráveis cobertura.

Copa América: Talvez tenha sido a melhor cobertura do canal, mesmo com poucos profissionais in loco. A Copa América foi exibida com exclusividade total pelo SporTV, que alcançou altíssimos índices de audiência durante a competição. Com jogos ao vivo o dia todo e um programa especial diário "Seleção SporTV Chile", o canal ficou praticamente soberana com a transmissão da competição. Milton Leite foi a voz responsável pela eliminação do Brasil (que teve um intenso e longo pós-jogo não programado) e pela primeira conquista do Chile na competição.

Pan-2015: Ao lado da Copa América, a melhor cobertura do SporTV foi com os Jogos Panamericanos. Exibido com exclusividade na TV paga, o canal enviou uma grande equipe a Toronto e se dedicou completamente ao evento, com eventos ao vivo em seus três canais durante todo o dia. A cobertura foi tão intensa que o canal gerou alguns eventos envolvendo o esporte brasileiro. Como não poderia ser diferente, o SporTV teve uma grande audiência com o evento e liderou fácil. Além disso, o SporTV2 ficou na frente de todos os outros canais esportivos na época. O principal narrador da cobertura foi o Luiz Carlos Júnior, mas outros narradores também foram enviados, como Sérgio Maurício e Roby Porto.

Esportes americanos: Ao longo deste ano eles foram ganhando destaque na programação jornalística do "canal campeão", tanto que 2 das 5 maiores ligas americanas foram adquiridas pelo SporTV. No final do ano passado o SporTV começou a transmitir a NBA, mas se fato a temporada 2015/2016 é a primeira sendo transmitida em sua totalidade. E este ano, o SporTV resolveu investir no futebol da Major League Soccer. Apesar de adquirir as competições recentemente, o "canal campeão" tem a maior cobertura dessas ligas no Brasil.

Mundiais multi-esportivos: O 2015 do SporTV ainda reservou um grande festival de mundiais sendo disputados em vários esportes. A maioria deles com cobertura exclusiva, como foi no "Mundial de Esportes Aquáticos", "Mundial de Atletismo" e no "Mundial de Ginástica". O canal também exibiu ao vivo os mundiais de judô, futebol e de handebol. Em todos esses, talvez por uma contensão de gastos "pré-olímpico", não houve equipe in loco, apenas reportagem, diferentemente de anos atrás.

Futebol brasileiro em destaque: Como não poderia ser diferente, o futebol brasileiro teve grande destaque na grade do SporTV, com várias transmissões exclusivas dos campeonatos estaduais e das séries A e B do Brasileirão. Sem contar que o canal esteve presente com reportagem ao vivo em todos os jogos destas competições. Além dos campeonatos, foram vários os jogos exclusivos na Copa do Brasil, com direito a uma intensa cobertura da final, o dia inteiro, com um "pré-jogo" de 2 horas de duração na decisão entre Palmeiras x Santos.

MotoGP: A decisão da categoria teve cobertura in loco e especial do SporTV. A última etapa da competição teve cobertura especial durante todo o fim de semana. Guto Nejaim e Fausto Macieira foram os responsáveis pela transmissão que consagrou Lorenzo como campeão da categoria principal.

Cobertura jornalística em destaque: Os fatos jornalísticos de alta relevância foram acompanhados de perto pelo "canal campeão". No caso de doping de Anderson Silva, o SporTV foi o primeiro a informar para o Brasil e foi o único a acompanhar o caso com reportagem direito de Las Vegas, local onde fica a sede do UFC. No "Fifagate", o "canal campeão" também esteve presente ao vivo direto da Suíça na cobertura, além de dedicar várias horas de sua programação para debater a corrupção e mostrar entrevistas coletivas ao vivo. O SporTV também deu intensa cobertura aos acontecimentos em Boca Juniors x River Plate pela Libertadores, fazendo os enviados para o jogo permanecerem por mais tempo na Argentina.

Rio 2016: Prometida como a maior cobertura esportiva da história da TV brasileira, Rio 2016 será sem dúvidas o destaque do ano no SporTV, que promete transmitir todos os eventos olímpicos ao vivo em 16 canais. Os eventos teste já são exibidos com exclusividade pelo canal.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Fabrício Carvalho

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.