Band vai fazer da Eurocopa o seu principal evento esportivo do ano



Se existe um evento que a direção da Bandeirantes, com a maior das razões, está apostando muito forte para este ano, ele atende por Eurocopa. Entre outras razões, porque no campo do futebol, sem qualquer exagero, é anunciada como uma Copa do Mundo sem Brasil e Argentina.

Segundo informações do UOL, por Flávio Ricco, muito mais que a própria Olimpíada, a quem será destinada uma cobertura bem razoável, ocupando espaços importantes da programação, o campeonato de seleções da Europa está sendo visto pela direção da Band como a cereja do bolo deste 2016.

Todo um planejamento já existe para a sua transmissão, que irá movimentar seus principais narradores e comentaristas, além de se servir de Milton Neves e Renata Fan para os trabalhos de retaguarda.

Matérias de aquecimento estão sendo feitas pelo correspondente esportivo na Europa, Felipe Kieling, e durante a sua realização a equipe também contará com o reforço da jornalista Sônia Blota, que tem a sua base de operações na França, sede do acontecimento.

O projeto elaborado prevê a transmissão das 51 partidas.

Já que existe este propósito de transformar a Euro no grande evento do ano, a Band precisa fazer um trabalho como se deve. Não regular o essencial. Por exemplo, reduzir o tubo ao mínimo necessário. A transmissão tem um ganho com equipe no estádio.

O que se espera, ainda do esporte da Band, é que os recentes eventos de tênis realizados no Brasil tinham servido de preparação para Roland Garros, que ela possui exclusividade.

Ao contrário das temporadas passadas, pouco se tem falado dele, inclusive sobre providências que são indispensáveis para a sua boa transmissão.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.