Internacional é impedido pela Justiça de assinar novo contrato da TV



Um grupo de conselheiros do Internacional, do movimento Acorda Conselho!, obteve uma liminar junto à Justiça que obriga o presidente Vitório Piffero regulamentar o novo Estatuto do clube, aprovado em Assembleia Geral, no final de maio. A informação é do Mundo Grenal, por Alexandre Ernest.

De acordo com a notificação entregue ao presidente Vitorio Piffero nesta segunda (8), o não cumprimento do ofício aponta multa de R$ 1 milhão, além de crime de desobediência. A decisão ainda proíbe que o presidente antecipe receitas ao clube sem aprovação do Conselho Deliberativo do Inter, medida que impede eventual assinatura do novo contrato de direitos televisivos, por exemplo.

A liminar estaria amparada ao Art. 29, XIV, do novo Estatuto, que já teria valor legal. Juntamente com o documento, foi pedida a validade e também o registro do Estatuto. Como o processo se dá diretamente ao presidente, e não ao clube, o não-cumprimento da ordem tem pena diária a Piffero de R$ 1 milhão.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.