Após saída da ESPN, Juan Pablo Sorin deseja continuar no ramo da comunicação



Juan Pablo Sorin vai seguir o seu caminho após deixar a ESPN. O ex-capitão da seleção argentina não teve o seu contrato renovado após cinco anos atuando como comentarista do canal e anunciou a sua despedida ao vivo no programa "Resenha". Agora, ele começa a planejar o seu futuro e vê ‘um universo de possibilidades’ em projetos como comunicador e até atrás das câmeras.

"Os cinco anos na ESPN foram anos excelentes, de muito aprendizado, evolução e crescimento profissional. Comentei final de Copa do Mundo, finais de Champions e as Ligas mais importantes do planeta. Unimos forças e assim fiz entrevistas com Messi, Maradona, Neymar, Del Bosque, entre outros grandes do futebol mundial. Só tenho a agradecer, e em especial, ao público que me acompanha e que é a grande motivação para eu fazer um trabalho cada vez melhor, a cada uma das pessoas da redação desde dos talentos, aos câmeras, editores, produtores, maquiadoras, figurinistas, María do café, estagiários, limpeza e segurança, motoristas, enfim, todos sem exceção! Em particular aos integrantes do Resenha, a cada um dos meus amigos jogadores, todos que fizeram parte dessa história desde o início, e que ajudaram a construir o programa. Através da Elis Produtora, levamos a concepção do programa para a ESPN e eles acreditaram no projeto. Tenho orgulho em ter colocado em pé um programa com uma proposta inovadora de um tema tão relevante para o mundo, especialmente para os brasileiros e argentinos, como é o futebol. Estou feliz pelo que a gente construiu, por ter conseguido implementar um formato onde o jogador tem a sua voz, onde ele consegue se manifestar como é, com suas emoções, suas imperfeições, suas histórias de vida, de superação e alegria." disse em entrevista ao UOL Esporte.

"É um fim de ciclo. Simplesmente terminou o contrato. Saí com um muito orgulho do que construímos e vou sentir saudades das pessoas com quem convivi. Aprendi muito nesses cinco anos, cresci profissionalmente, acertei, errei, mas o mais importante é que consegui ficar perto das pessoas. Sempre penso em quem está do outro lado. E o bom astral das pessoas nas ruas é espetacular, seja pelos comentários, pelas entrevistas, quadros e principalmente por levar para elas um programa de qualidade. Agora quero colocar em prática novos projetos e me renovar." disse.

"Tenho alguns projetos interessantes. Agora se abre um universo de possibilidades. Como comunicador e até nas criações que estamos trabalhando com a Produtora! Também acho interessante estar atrás das câmeras e poder criar para outros. Nas redes sociais, estamos lançando a segunda temporada de #SeJogaEmCasa com muitas novidades, e convidadas/os surpresa! Além dos artistas que falei antes, estiveram também fenômenos como o Seu Jorge, Marcelo D2, João Gordo, os meninos de Haikaiss, a galera de CPM22 e Andreas Kisser, do Sepultura, que foi massa! As pessoas também interagem, mandam mensagens de todas as partes do mundo e a participação deles é incrível! Para a Tv, rádio e outras mídias, virão, seguramente, coisas boas pela frente. Eu não paro, e sempre continuo a escrever…desde criança que adoro escrever. O mais importante é que sigo com a mesma paixão por tudo o que me proponho a fazer, e ano de Copa do Mundo fico muito mais inspirado ainda!" completou, finalizando a entrevista.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.