Repórteres da ESPN são impedidos de falar com jogadores do Real Madrid; entenda



Na edição desta sexta-feira (18), a edição do "Linha de Passe" da ESPN Brasil colocou em debate o papel do jornalismo esportivo. O assunto foi colocado em pauta após o ex-jogador e comentarista Neto criar polêmica com o São Paulo após não pode mais fazer o programa "Baita Amigos" em um camarote do estádio Morumibi.

Durante a atração, Arnaldo Ribeiro relatou um fato ocorrido durante a final da Supercopa da Espanha que teve o Real Madrid campeão sobre o Barcelona. Dois repórteres da ESPN Brasil estavam fazendo cobertura in loco no Santiago Bernabeu para o canal e foram impedidos de falar com jogadores do Real, o fato não aconteceu isoladamente com os representantes brasileiros e sim com todos os funcionários do canal esportivo da Disney do mundo todo.

Essa atitude partiu da diretoria madridista depois de um jogo com as mesmas equipes nos Estados Unidos, onde jogaram um torneio de pré-temporada. Segundo a mesma, Florentino Pérez, presidente do Real, foi ignorado pela programação da ESPN americana e deu todas as atenções a Josep Maria Bartomeu, presidente  do clube catão que estava no centro devido ao barulho que se fazia pela ida de Neymar ao PSG. O acontecimento foi considerado um descaso e o clube resolveu tomar a medida de proibir os jogadores de falar com qualquer representante do canal posteriormente.


Baixe o aplicativo para Smartphones e Tablets.
Curta nossa página no Facebook
Siga nosso perfil no Twitter.
Compartilhe no Google Plus

Por Vevé Prado

Para entrar em contato com o editor - Email: midiaesportiva@hotmail.com / Celular e WhatsApp: (81)996331508.